Tradicional presépio do Vaticano tem sido criticado: obra de misericórdia ou homoerotismo?

Seria o presépio mais gay que o Vaticano já teve? O Papa aprova e defende: "é arte napolitana". O Facebook já retirou a foto do ar uma vez.

O tradicional presépio do Vaticano deste ano, cujo tema é “Atos de Misericórdia Celestiais”, está sendo duramente criticado por fiéis. Todos os anos, o Vaticano representa com arte a cena natalina na Praça de São Pedro. A obra foi doadoapela Abadia Beneditina do Montevergine, no sul da Itália e desenhado por Antonio Cantone.

The Vatican's nativity scene has met mixed reactions (Photo: @mountainbutorac | Instagram)
The Vatican’s nativity scene has met mixed reactions (Photo: @mountainbutorac | Instagram)

Cantone defendeu sua obra, dizendo que queria criar algo provocador: “Não é uma um presépio bucólico; é particular e faz você pensar. Não deixa ninguém indiferente; há provocações.”

A figura que alguns acham mais provocativa é um homem semi-nu. A inclusão da figura rasgada e tonificada representa a mercê de “vestir o nu”.

Foto: @EdwardPentin
Foto: @EdwardPentin
Foto: @EdwardPentin
Foto: @EdwardPentin

‘Obras de misericórdia’
“O presépio foi feito no mais puro estilo típico da arte napolitana, é inspirado pelas obras de misericórdia”, disse o papa Francis. “O berço é o lugar evocativo onde contemplamos Jesus que, assumindo a própria miséria humana, nos convida a fazer o mesmo por meio de ato de misericórdia”.

Facebook censurou a imagem

De acordo com Breitbart, quando postada uma foto da obra no Facebook, a rede social recusou imagens citando que violaram diretrizes relativas a “imagens sexualmente sugestivas ou provocativas”.

Life Site News, um portal de notícias católicas, sugere que a Abadia responsável pela cena abriga um retrato da Virgem Maria amada de católicos LGBT na Itália – Nossa Senhora de Montevergine. Procurado para comentar, Antonello Sannini, presidente da organização LGBT italiana Arcigay Nápoles, elogiou a arte: “a presença da Cena do Nativismo do Vaticano para nós é uma razão para ser ainda mais feliz este ano. Para a comunidade homossexual e transexual em Nápoles, é um importante símbolo de inclusão e integração.”

VEJA TAMBÉM: Calendário 2018 com padres do Vaticano

Com informações do GSN

Anúncios