Campanha contra a discriminação LGBT no futebol foi destaque na Premier League

Principal campeonato de futebol da Inglaterra - Premier League - aderiu ao movimento de combate ao preconceito LGBT. Clubes aderiram à causa

A 13ª rodada do Premier League, disputada nesse fim de semana, foi marcante por um movimento aderido pela liga. A campanha “Rainbow Laces”, criada por uma organização que apoia a causa LGBT na Inglaterra, tem como objetivo a inclusão da comunidade LGBT no esporte e o fim da discriminação. Outras divisões e o campeonato feminino também aderiram ao movimento, junto com a FA (Federação Inglesa de Futebol).

Cores do arco-íris, que compõem a bandeira LGBT, foram expostas de diversas maneiras nessa rodada
Cores do arco-íris, que compõem a bandeira LGBT, foram expostas de diversas maneiras nessa rodada

É o segundo ano consecutivo que a campanha é aderida pela liga e também pelos clubes do Campeonato Inglês. A bandeira LGBT, composta das cores do arco-íris, foi exposta de diversas maneiras nas partidas, como em braçadeiras de capitão, cadarços e até na placa de substituição e acréscimos.

Além disso, as equipes mudaram seus perfis nas redes sociais, adicionado as cores do arco-íris em seus escudos (foto oficial de cada clube nas redes). Em comunicado em seu site oficial, a liga diz estar “apoiando a campanha para incentivar uma mudança de atitudes e apoio público para a inclusão dos LGBTs dentro do jogo”.

Clubes alteraram seus perfis no Twitter e agregaram as cores da bandeira LGBT em seus símbolos oficiais
Clubes alteraram seus perfis no Twitter e agregaram as cores da bandeira LGBT em seus símbolos oficiais

O Manchester City lidera o Campeonato Inglês com folga, em uma campanha incrível de 12 vitórias e um empate, somando 37 pontos. O vice-líder é o rival Manchester United, com 29.

LEIA TAMBÉM: Como o futebol australiano se tornou um aliado dos direitos LGBTQ

Com informações do SuperEsportes

Anúncios