No futebol, Mineirão, Inter, Grêmio e Avaí levantam a bandeira arco-íris sem medinho

IMG_8615
Estádio Mineirão, Belo Horizonte
IMG_8616
Belo Horizonte, Minas Gerais

Alguns clubes brasileiros, entre eles Inter, Grêmio e Avaí, se manifestaram em apoio à diversidade.

As duas equipes gaúchas usaram o Twitter. O time tricolor publicou: “Somos o clube de todos”, enquanto os colorados divulgaram a seguinte mensagem: “Igualdade é o sentimento que nos une. Amem quem você quiser e leve sempre o amor pelo Inter no coração”.

gremiointer

Já o Avaí mudou a foto de perfil do clube na rede social e publicou uma imagem da Ressacada com um arco-íris ao fundo.

avai

Também no Twitter, o perfil oficial do Mineirão divulgou imagens do estádio com as cores da bandeira LGBT. Um dos posts ainda dizia: “Parece simples, mas somos o 1º estádio do país a acender suas luzes para a diversidade sexual, um tema ausente nos palcos do futebol no mundo”.

mineirao.jpg

O Mineirão também emitiu o seguinte comunicado: “Como forma de lembrar os desafios e lutas que marcam o Dia Internacional do Orgulho LGBT, celebrado em todo mundo nesta quarta-feira, 28 de junho, a fachada do Mineirão foi iluminada com as cores da bandeira LGBT. Embora no Brasil não existam dados concretos sobre casos de agressão em estádios de futebol motivados pela orientação sexual ou gênero é inegável que, infelizmente, o ambiente do esporte mais popular do planeta ainda é hostil com o público LGBT. Esse é apenas um passo para tentarmos virar esse jogo”.

Mais cedo, uma das torcidas organizadas do Flamengo tomou a decisão de não cantar mais música com conotação homofóbica contra o Fluminense. Os integrantes da Nação 12, na letra de “Vou descontrolado”, cantam em um trecho: “Eu não sou viado, não sou Fluminense”.

Com informações da ESPN

Anúncios